6
Jul

IMPORTÂNCIA DA AGROECOLOGIA PARA O PRESENTE E O FUTURO

Como ciência, a agroecologia integra o conhecimento tradicional, cultural e os avanços na ecologia, agronomia, entre mais algumas ciências, e fornece ferramentas para sistemas com base nas interações da biodiversidade, melhorando a qualidade do solo e o equilíbrio biológico, contribuindo para a viabilização de melhores produtividades de cultivos e criações, favorecendo a segurança alimentar das famílias agricultoras, sem a necessidade de pacotes tecnológicos, incluindo-se insumos externos.

Os princípios da agroecologia podem ser aplicados a qualquer atividade, em pequena e grande escala, utilizando tecnologias, práticas e processos condizentes com as condições culturais, sociais e ambientais de cada lugar, região e comunidade.

Para que estas formas sejam relevantes, deve haver, prioritariamente, um processo participativo em que os agricultores e pesquisadores geram conhecimentos e desenvolvam seus próprios sistemas de produção.

A Agroecologia fornece as bases para uma nova agricultura, fortalecendo a biodiversidade e utilização de energia solar, por exemplo, mitigando os efeitos nefastos das mudanças climáticas, facilitando, também, o desenvolvimento de sistemas agroalimentares locais.

A agricultura de base agroecológica tem o potencial de criar arranjos ou sistemas que podem contribuir para minimizar a fome mundial e garantir a soberania alimentar nas diferentes regiões, além disso, beneficia a economia local através da venda direta dos produtos entre produtores e consumidores, favorecendo ciclos práticos para sistemas alimentares locais mais justos.

É importante que os consumidores entendam que o alimento é um ato político e ecológico!!!

 

Fonte: http://diariodemocracia.com/notas/2016/2/6/agroecologia-futuro-125384.asp

Site: Mediodel Campo – Miguel Altieri