29
Nov

5 inseticidas naturais e baratos para proteger sua horta.

Você se inspirou em algum artigo do nosso site e decidiu cultivar uma horta orgânica, mas, de repente ela foi atacada por pragas e agora você não sabe o que fazer?

Calma! A agroecologia pode te ajudar com soluções baratas, eficientes e sustentáveis.  Conhece os inseticidas naturais?

Vale lembrar que antes dos produtos químicos existirem neste seguimento, os inseticidas naturais já se encarregavam de manter a ordem no cultivo e ainda colaborar para o combate as pragas, sem agredir ao meio ambiente.

Uma grande vantagem é que os inseticidas orgânicos podem ser feitos em casa, com custos de produção baixos e resultados surpreendentes, atacando diretamente o inseto sem agredir as plantas e nem as pessoas.

Separei alguns mais conhecidos e que farão a diferença na sua horta, acompanhe:

Cravo-de-defunto(Tagetes erecta):

feito em um caldo, é utilizado para o combate de pulgões. Também pode ser plantado junto às culturas de interesse, realizando assim o controle de insetos, ao agir como repelente, e de nematoides.

Ingredientes: 1 kg de folhas e/ou talo de cravo-de-defunto e 10 litros de água.

Modo de preparo: adicione as folhas e/ou talos de cravo-de-defunto na água. Leve ao fogo e deixe ferver durante meia hora, ou então pique e deixe de molho por dois dias. Coe o caldo obtido.

Própolis:

substância resinosa resultado da interação das abelhas com as árvores; é utilizado para o controle de doenças, para nutrição das plantas e para diminuir o estresse hídrico.

Ingredientes: extrato de própolis em spray.

Modo de preparo: Aplique diretamente nas folhas atacadas tanto na parte inferior e na superior. Nota-se que o uso do extrato sem a diluição em água, obteve uma melhora de 60%, ao passo que o uso diluído obteve 35%.

Óleos:

são vários tipos, como o de eucalipto, útil contra moscas e vespas; de Citrus, bom contra formigas, baratas e lesmas; e de neem, que combate mais de 500 espécies de insetos. (clique aqui e saiba mais sobre o óleo de neem).

Ingredientes: 10 ml  de  óleo de neem (encontrado em lojas de jardinagem) e 1 litro de água.

Modo de preparo: dilua o óleo de neem na água e pulverize a planta.

Crisântemo:

é um chá feito das folhas de crisântemo (Chrysanthemum sp.) que tem ação no sistema nervoso dos insetos, deixando-os imóveis. Com óleo de neem, sua efetividade é aumentada.

Ingredientes: Água mineral e flores de crisântemo secas.

Modo de preparo:  basta moer e misturar o pó com água. Não existe uma proporção correta entre pó e água, assim, a dica é não tornar o líquido grosso demais para passar pelo bico do borrifador.

Casca de Ovos:

As cascas de ovos são um ingrediente interessante para o nosso jardim. Elas possuem um duplo benefício, podem ser usadas seja como fertilizantes seja como repelente.

Ingredientes: cascas de ovos.

Modo de preparo: Triture as cascas de ovos, de modo que se transforme em farinha, ou as coloque em pedaços na base da planta formando um anel que impedirá que lagartas e caracóis se aproveitem da cultura.

Antes de partir para algum inseticida sintético, vale a pena conhecer as inúmeras opções naturais. Assim, você obtém o resultado desejado e ainda contribui para a saúde do nosso planeta.

Professor Milton